Como cuidar dos dentes na melhor idade?

Como cuidar dos dentes na melhor idade?

A terceira idade pode ser uma fase muito prazerosa da vida se houver um cuidado especial em relação à saúde.

Ouça a matéria completa clicando no player abaixo:

Quando se tem próteses ou implantes a cautela com a gengiva é ainda mais importante. No caso do portador de uma dentadura, o ideal é que elas sejam substituídas a cada cinco anos, porque a parte que fica sob as próteses vai se desgastando com o passar do tempo. Esse tipo de paciente também deve fazer um autoexame semanal, já que o surgimento de anomalias deve ser avisado ao dentista o mais rápido possível.

Entre outros problemas que acometem essa parcela da população estão a diminuição da quantidade de saliva, retração gengival, perda dos dentes inferiores e artroses que dificultam a empunhadura da escova. Tudo isso tem consequências como uma maior vulnerabilidade a infecções, perda de tonicidade da língua e sensibilidade dos dentes.

É importante que em cada um desses casos o idoso procure por um dentista, a fim de ser orientado da melhor forma, e se a pessoa não tiver mais condição de realizar suas atividades diárias, um cuidador deve ser a solução.

A boca também deve receber cuidados intensivos porque pode se tornar uma porta para uma série de doenças, isto é, a qualidade de vida na terceira idade também depende de uma boa saúde bucal.

Por Mayumi Yamasak
Jornal da USP

Fechar Menu
WhatsApp chat